Empresas de crédito pessoal fraudulentas

Proteja-se de golpes de empréstimo pessoal fraudulento. Empréstimos pessoais são uma alternativa para fugir do aperto e conseguir um dinheiro extra para cobrir despesas que o seu salário não deu conta. Mas é preciso ter muito cuidado na hora de levantar um empréstimo. Sempre há chance de cair num golpe, por isso, atenção e alguns cuidados são imprescindíveis na hora de escolher a empresa de crédito. Apesar dos juros altíssimos, os bancos devem ser a melhor opção na hora de comparar a idoneidade com outras empresas. Empresas mais conhecidas no mercado também são uma boa opção.

Tratando-se de fraudes no empréstimo pessoal, chega a ser comum encontrar alguém que já tenha caído em algum golpe e tenha tido um prejuízo gigantesco. Por isso sempre desconfie de facilidades muito grandes (por exemplo, dificilmente uma empresa emprestará dinheiro a quem tem nome sujo), sempre analise com cuidado a empresa (a história, quantos anos está no mercado, clientes antigos, etc) e as condições de empréstimos.

Algumas dicas importantes são:

  1. Nunca faça um empréstimo pessoal iniciado através de uma chamada telefônica não solicitada, nem por carta ou e-mail. Ou seja, no caso de não ser você mesmo quem procurou a instituição, não faça negócio. Primeiro confirme que a empresa é 100% confiável.
  2. Não forneça informações pessoais, tais como o seu número de CPF, RG, número da agência e conta bancária, ou outras informações, antes de checar a empresa e as condições de crédito.
  3. Faça uma pesquisa com o nome da empresa. Há quanto tempo ela está no mercado? Há denúncias contra essa empresa na internet? Procure se informar bem, empréstimo pode parecer uma saída fácil, mas nem por isso você deve arriscar.
  4. Procure também visitar a empresa. Checar as informações somente pelo site da própria instituição não é uma boa ideia, qualquer pessoa com má índole pode criar um site para se aproveitar das pessoas.
  5. Nunca adiante nenhum valor em dinheiro para pegar o empréstimo. Se a empresa de crédito pede taxa de inscrição, taxa de processamento, taxa de seguro, seguro fiador, etc, antes de liberar o crédito do empréstimo pessoal, você pode estar se metendo numa enrascada.  É extremamente raro que uma instituição de crédito legítima peça dinheiro algum adiantado a qualquer titulo para poder liberar algum tipo de empréstimo pessoal.

Se você foi vítima de algum desses esquemas de fraude, faça um boletim de ocorrência, denuncie – não deixe que outros caiam no mesmo golpe e que os criminosos saiam impunes. Se a fraude foi involuntária ou por negligência de alguma instituição legítima, registre sua reclamação no banco central e considere a possibilidade de contratar um advogado sobre ações legais.

Todo o cuidado é pouco! Preste muita atenção e não caia em tentação, tenha paciência e seja exigente. Valorize seu dinheiro.

Deixe um comentário